quinta-feira, fevereiro 22, 2007

Croissants

Os da Cristal, Tentadora e Értilas já não prestam. Os do Pão de Canela são pouco substanciais, os da Versalhes indiferentes (ao contrário dos queques), os da Cister massudos e os do Chefe muito leves. Os da Maria da Fonte (Campo de Ourique) são razoáveis, os da Expo sofríveis e os do Pingo Doce inconstantes. Dito isto, reconheço que os da Bénard têm os cantos estaladiços. O problema é que só se aproveitam quentes e com chocolate lá dentro. Ou seja, aceito sugestões (durante a parte da tarde porque agora vou comer um Sandokan aquela pastelaria da Tomás Ribeiro).

16 Comments:

Anonymous Sofia said...

Além disso, os da Bénard são estupidamente pequenos. Também ainda não encontrei O croissant, mas avisá-lo-ei (a si, não ao croissant), se o encontrar.

5:44 da tarde  
Anonymous Mário said...

Pastelaria Rosa Doce, na Rua Oliveira Martins (rua imediatamente por detrás da Livraria Barata, na Avenida de Roma).
Não tem a "história" das pastelarias que mencionou, mas não sairá defraudado.

7:38 da tarde  
Anonymous Diana ralha said...

Eu subscrevo a rosa doce. Para mim, são os melhores da cidade.

Se vens à Tomás Ribeiro mi liga

Diana

11:11 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Pergunta ao Pedro Barbosa...

1:27 da tarde  
Blogger Rosa dos Ventos said...

Moro muito longe mas quando for a Lisboa hei-de visitar a Rosa Doce, minha prima. :))

4:23 da tarde  
Anonymous tia maria said...

Francisco, porque não fala do bolo da Madeira? Aposto que teria muito para dizer.

5:37 da tarde  
Anonymous tangas said...

bons, bons, mas mesmo bons, são os da rainha do pão, na rua da estação da campanhã. não há melhores: consistência, sabor, tamanho, cor...
hão-de experimentá-los às sete da manhã, com café com leite ;)

2:34 da tarde  
Anonymous JLS said...

Rosa Doce? OK, vou passar por lá e depois digo.
Agora um "Lagarto" na Nova Lisboa, Av. da Igreja, isso sim!!

1:45 da manhã  
Blogger FuckItAll said...

Olha mais um campodouriquenho!

Os da Suíça, no Rossio, eram bons há uns anos, agora não sei. Recomendam-se com fiambre e a acompanhar um galão, logo de madrugada às dez da manhã de fim-de-semana, imediatamente antes de ir dormir.

10:29 da manhã  
Anonymous nitpicker said...

Pode ser arredores de Lisboa?? Na Marianita, em Queluz. Os de manhã com massa de brioche e os da tarde com massa folhada (os primeiros ganham aos pontos).

5:42 da tarde  
Anonymous mca said...

Vá ao careca , no Restelo, encontra-os com açucar e sem ele.
MCA

11:55 da manhã  
Blogger FuckItAll said...

Ah, o careca, outro antro de genialidade pasteleira quase escondido.

1:37 da tarde  
Anonymous SF said...

Os do Careca são muito bons, mas muito 'gordos! os da Garret tb são catitas!

11:54 da manhã  
Anonymous SF said...

esqueci-me dos de açucar no Califa, servidos ao balcão pelo sr. Dinis

12:02 da tarde  
Anonymous Mariana said...

Os de qualquer pastelaria do Porto são óptimos quando se vem dos de Lisboa. Húmidos, com vestígio a ovo e manteiga. A Princesa do Norte recomenda-se.

11:17 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Esperimentem a PASTELARIA TRENÓ DO LUMIAR, junto ao centro comercial do Lumiar! Croissants com doce de ovos e CHOCOLATE, arrisco-me a dizer que são os melhores de LX!

6:54 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home